Arquivo da categoria: Sociedade dos Hipsters Mortos

Review: Contrast [Sociedade dos Hipsters Mortos]

O que? Mais uma review de um jogo da nova geração? Será que agoras podemos esperar um Em Outro Castelo rico e tratando dos lançamentos mais recentes e modernos? Sim, infelizmente.

Publicado em Reviews, Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com , , | Deixe um comentário

Jogo Grátis: Naya’s Quest [Sociedade dos Hipsters Mortos]

Você está aí, de bobeira, no trabalho, sem nada pra fazer? Cansado de ficar dando F5 em Facebook, Twitter, G1 e afins e não ter nada de novo para ler? Que tal um jogo de esquentar os miolos para se … Continuar lendo

Publicado em Mão de Vaca, Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Thomas Was Alone [Sociedade dos Hipsters Mortos]

Thomas was alone é um jogo produzido, como boa parte dos jogos indie de expressão, por um time diminuto. Na verdade, um time de uma pessoa, Mike Bithell, mais conhecido por não ter feito absolutamente nada. O jogo surgiu de … Continuar lendo

Publicado em Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com , , , , | 4 Comentários

Journey – [Sociedade dos Hipsters Mortos]

Nesta edição, faremos o review do mais novo jogo da thatgamecompany, autora de flow e flower, e a mais nova sensação da PSN (exclusiva para PS3): Journey!

Publicado em Reviews, Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com , , , , | 1 Comentário

Review: Braid [Sociedade dos Hipsters Mortos]

(Não sabe o que é a Sociedade dos Hipsters Mortos? Clica Aqui) Review desta edição: Braid. Para muitos o melhor jogo do mundo. Ou será que não?

Publicado em Reviews, Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com , , , , , , , | 4 Comentários

Novo autor, nova coluna: Sociedade dos Hipsters Mortos

Olá, Eu sou o Maximus Decimus, e sou um novo autor do Blog. Minha primeira coluna aqui no Blog se chama Sociedade dos Hipsters Mortos. Para entender melhor sobre o que eu escreverei nela, acredito que seja importante antes saberem … Continuar lendo

Publicado em Sociedade dos Hipsters Mortos | Marcado com | 2 Comentários