Castelo#21 – Melhores e Piores de 2016! [Podcast Em Outro Castelo]

capa-podcast-21

Adeus ano velho, feliz ano novo… Que tudo se realize, no ano que vai nascer…

Neste podcast, Maximus Decimus (@andreglad), General do Panda(@generaldopanda) e Ed Shemp(@ze_baca) e Fakenerd(sem twitter) vão novamente fazer a premiação de games mais importante da cidade, estado, país, sistema solar, galáxia e, por que não dizer, do multiverso conhecido e desconhecido: O prêmio Em Outro Castelo de Melhores e Piores jogos de 2016!

Pra quem não conhece, a nossa premiação tem um formato único jamais imitado por nenhum outro podcast (já que todo mundo acha ele uma merda), e damos igual foco ao que houve de melhor e ao que houve de pior no mundo dos videojogos. Além disso Entregamos prêmios especiais únicos, como o prêmio Capcom, prêmio Sabotagem, prêmio Ejaculação Precoce, Prêmio Menor Abandonado e muitos outros! Quer saber o que caralhos significa ganhar esses prêmios? Então de logo o play no player abaixo e ouça essas MAIS DE DUAS HORAS DE PODCAST PUTAQUEOPARIU FOI UM SACO EDITAR:

Se preferir baixar o arquivo, fique à vontade e clique neste link.

E se você é um destes descoladinhos que gosta de ouvir podcasts através de feeds RSS, temos um desses também! Clique aqui para assinar o nosso feed.

Se você é Hipster e tem um iPhone, também dá para encontrar o Em Outro Castelo no ITunes.

Quer entrar em contato? Você pode comentar neste post mesmo, falar com a gente na nossa página do Facebook ou tuitar para os nossos twitters pessoais.

Curta a gente no facebook também, para além de poder saber antecipadamente quando sai post novo, poder se comunicar com a gente facilmente (e deixar a gente mais feliz): www.facebook.com/emoutrocastelo

Trilha sonora

Geralmente dos jogos citados, e quando deu preguiça usei a trilha de Final Fantasy XV (que é bem boa)

 

Anúncios

Sobre Maximus Decimus

Um carinha do barulho que vai armar altas confusões que até deus duvida nesse site que é um estouro.
Esse post foi publicado em Podcast Em Outro Castelo. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Castelo#21 – Melhores e Piores de 2016! [Podcast Em Outro Castelo]

  1. Benício disse:

    Nem lembro direito dos jogos que joguei em 2016, então não tem como fazer uma lista mas me diverti bastante com Overwatch. Joguei DS3 mas perdi todo o animo para o DLC.
    Então vou falar dos jogos que quero jogar em 2017: Yakuza 0, só lembro desse por agora. Mas nem sei se terei tempo para jogar esses jogos.
    Como Maximus disse no MdM, se tiver promoção de passagens pro US & A é cofre pro Switch.
    Até.

  2. Ken-Oh disse:

    Po n joguei quase nada ano passado.
    Gostei de ver vocês falando de FFXV sem aquela punhetação q a internet a fora faz. Mas ainda vou heteirizar. ABRAÇO PRO MAXIMUS!!! YAHAHAHHA!!

    Bem n tenho um top exatamente por n jogar nada, mas vou falar aleatoriamente do q eu curti.
    Me surpreendi com Dragon Quest Builders, nunca imaginei q ia curti um jogo no estilo minecraft e ele acaba sendo divertido e mais competente q a franquia q ela chupinhou. O jogo é bem trabalho e a parte de exploração me divertiu mais q montar casinha.

    Jogo merda do ano com certeza Mighty No. 9. Esse jogo foi uma bosta, investi nessa merda e ganhei esse vomitado e nem recebi na plataforma q pedi. Cheguei a adquirir a síndrome de Estocolmo do Panda, mas depois de zerar eu vi o grande cagalhão q é. Incompetente em tudo desde jogabilidade imbecil, gráficos tosco, personagens rasos, imbeciloides e estereotipados, musicas esquecíveis e o pior mostra como o Inafune é uma mentira.
    Vou aproveitar e emendar o premio Capcom pro Inafune. Po esse filha da puta fica trabalhando mais de 30 anos no mesmo estilo de jogo e falha nisso e n preciso nem comentar sobre como ele lesou o consumidor ao ponto de ter gente q até hj n recebeu os prêmios dessa merda.

    Paro por aqui, pois como disse meu ano passado nos games foi bem raso.
    Vlw pelo cast e nos vemos lá no meado do ano com a próxima edição.

  3. Temos um recorde pro podcast de melhores e piores do ano.
    2016 eu não joguei quase porra nenhuma que saiu esse ano, então não vou ser tão específico (ou sim).

    Melhor jogo: Guilty Gear XrD: Revelator
    Na falta de opções, eu coloco o único jogo de luta que eu joguei esse ano e sem dúvida, o melhor Guilty Gear. O jogo é mais gostoso de jogar os anteriores, o sistema de combo é fantástico e me dá vontade de ficar realmente bom. Apesar de eu não conseguir jogar muito no online, o jogo ainda é muito divertido.

    Pior jogo: Aqui vai ficar um tie-in entre Mighty No. 9 e Minecraft Story Mode.
    Eu sei que a Telltale trabalha com jogo e não com milagre, mas Minecraft Story Mode é o jogo mais chato que eu joguei deles até agora, mais até do que o adventure do Borderlands. Quanto ao Mighty No. 9, era só fazer um Megaman, o que o Inafune falhou porque não é nem divertido de jogar. Isso sem falar que o desempenho do jogo no PC é um nojo, eu sei que eu tenho um PC ruim, mas aquele jogo nem é bonito pra rodar tão mal.

    Surpresa do ano: KOF XIV
    Não joguei, mas o fato dele não ser um cocô garante o posto dele aqui

    Decepção do ano: Mighty No. 9
    Eu não esperava nada e me decepcionei com o Megaman de pobre. Shovel Knight é um sucessor de Megaman melhor.

    Sabotagem e Ejaculação Precoce: Street Fighter V pelos motivos óbvios.
    P.S: #MakeZangiefGreatAgain

    Prêmio Capcom: Esse ano vai pra Sony e o PS4 que parece um sanduíche queimado. A Sony esse ano foi aquele molequinho que tá ganhando a corrida de bicicletas e decide enfiar um galho na própria roda because reasons.

    Menor abandonado: Eu nem vou ficar muito bolado com o Ed ter largado KOF XIV porque eu larguei Guilty Gear XrD Revelator. O jogo é ótimo, eu ainda ligo de vez em quando. O problema é que eu raramente consigo jogar partidas rankeadas porque ninguém aceita a caralha da solicitação, por causa disso eu ligo o jogo pra jogar o modo Arcade (chupa Capcom) ou praticar com o Raven.

    De promessas do ano passado, eu joguei o Undertale e obrigado, Panda, que jogo maravilhoso. Além de ser um dos poucos RPGs que eu gosto de rejogar (não, eu não fiz a run genocida, eu não sou um monstro).

    De prêmio Mãe Dinah, eu fiquei feliz por ter acertado o que eu falei ano passado. Sobre o Nintendo Switch, depois da conferência eu falo o que achei, então por agora, eu creio que SFV vai continuar sem modo Arcade.

    Hehe, não foi tão longo quanto o do ano passado.
    Enfim, excelente podcast, espero que tenham mais esse ano (porque em alguma coisa na vida eu preciso ter hype) e até mais, galera.

Deixe seu comentário, dica, opinião não relacionada ou propaganda descarada aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s